segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

TALENTOS CAPIXABAS: ALEX KRÜGER – MÚSICO E POETA.



Cariacica, um município que faz parte da Região Metropolitana da Grande Vitória, é o berço de grandes talentos artísticos. Nele, nasceu e morou por muito tempo, por exemplo, a famosíssima poetisa, cantora e atriz Elisa Lucinda. São de Cariacica também os músicos da banda Moxuara, especializada em divulgar o congo, uma tradição popular capixaba, para todo o Brasil.



Agora, quem vem alcançando sucesso musical é Alex Krüger. Krüger nasceu em Califórnia, interior de Santa Leopoldina (ES), no entanto, foi em Cariacica que o músico se formou. Ele participou da banda ZERO HORA e já teve como parceiros em suas composições outros capixabas já destacados: Carlos Bona, Nilson Amaral, entre outros. Com Hércules Dutra e Patrick Erikson, ele produziu, via internet, as poesias "Nas Amarras da Agonia" e "Volúpia" (que podem ser conferiadas no fim desta matéria).



Meus caros leitores do Brasil e de qualquer parte do mundo, apreciem o talento deste rapaz. Convido-os a assistirem aos vídeos abaixo Neles, Kurger toca, canta e conta um pouco da história de seu interesse pela música e como suas atividades artísticas começaram.


POEMAS

Nas amarras da agonia

Nas amarras da agonia

No auge do meu clamor

Na hora mais triste do dia

Eu clamei ao meu Senhor.



Nas amarras da agonia

Distorci meu coração

No meu canto um tanto ceifado

Lhe pedi........Estenda a mão.


Não quero ser como navio
À deriva sem cais
Quero uma bandeira branca
Me trazendo imensa paz.

O meu pranto em desespero
Faz abrir mais a ferida
Sua voz na minha mente
Igual guitarra distorcida.

Que saudade desgraçada
Que martela o coração
Pelo amor de DEUS, retorne
Não posso viver em vão...... 

(Alex Krüger, Hércules Dutra e Patrick Erikson)

Volúpia


Que o amor nos condene à volúpia insaciável.

Que derrame tempo,até o derradeiro segundo.

Que nos salve sem dó dos males do mundo



Que mãos se unam nessa caminhada

Que as pessoas sintam um mar de carinhos

E que nesse mar lancem seus barquinhos


Que noite pós noite,beijo pós beijo.

Irmãos, amantes ,amigos, se rendem a loucura.

De sempre encontrar o outro quando procura.

(Alex Krüger e Hércules Dutra)

Abaixo, a história de Alex Kürger pode ser conferida nos programas “Na garagem” e “Som da Terra”:




8 comentários:

  1. Grato pela força ! Desejo sucesso ao blog.Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Lindas poesias, gente da terra se revelando, salve a cultura capixaba!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelas poesias, que gostei muito, e por sua musica que são muito boas, espero que tenha muito sucesso com este seu trabalho.

    ResponderExcluir
  4. não faço críticas publicamente não tenho competência pra isso conhecimento de causa e tão pouco know how o que eu faço é falar bem ou mal (risos) quando quando gosto ou não gosto de algum gênero musical ou "músico" eu não sou musicista. cresci ao redor de alguns músicos. amo música e tenho um bom ouvido ou tinha nessa altura do campeonato eu já nem sei mais... meu gosto musical é bem eclético e mutável posso de uma hora pra outra deixar de gostar de um gênero e passar a gostar de outro.
    Raul Seixas "eu prefiro ser uma metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo." Maria

    ResponderExcluir